Skip to content


Zé Neto sai em defesa de Solla sobre denúncias

O deputado estadual Zé Neto (PT) respondeu, ontem à noite a mim para o Política Livre, às denúncias feitas pela oposição em relação à secretaria de Saúde. O petista afirmou que o governo quer que se apurem todas as possíveis irregularidades, mas ressalvou que dispensa de licitação é uma das modalidades de contratação. “O que ficou para trás foi o processo de burla de contratação, de falta de contratação, que gerou o Jaleco Branco. Foi um dos motivos pelo qual nós tivemos que fazer contratos licitatórios emergenciais, porque a Justiça obrigou a recisão imediata daqueles contratos do Jaleco Branco, que geraram rombos astronômicos ao patrimônio público”, criticou. Zé Neto defendeu, no entanto, que as denúncias devam ser feitas para serem apuradas. “Todas estas denúncias devem ser feitas mesmo. Se tiver alguma irregularidade, a Sesab não pode ser polícia. Se algo for comprovado, quem primeiro vai querer uma solução somos nós”, disse.

“Quem tem medo de polícia, de Ministério Público, de apuração, não somos nós. Nós ampliamos de 12 a quase 14% as despesas com saúde. Ampliamos em 44% o atendimento na rede estadual de saúde. Dobramos os processos licitatórios com licitações abertas. Quem deixou Jaleco Branco, G-8, EBAL, Bahiatursa, para a gente ter que resolver não tem conselho a dar para o nosso governo. Eu tenho plena tranquilidade de dizer que todos os dados que eles estão colhendo para as suas denúncias e investigações estão no Transparência Bahia que, felizmente, está disponível para todos os baianos. Até aqui tem mais espuma e resenha, mas o Ministério Público irá acompanhar, investigar e chegar às conclusões e, para nós, a segurança é de que, na Saúde hoje, se salvam muito mais vidas e se economiza muito mais do que no passado”, concluiu.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

Posted in Política Livre, Política Local.

Tagged with , , , , .