Skip to content


Transformaram Marina em oposição


Vocês vejam só como as notícias, às vezes, saem distorcidas e as notas com a correção não têm a mesma repercussão da mentira espalhada. Está em curso a transformação da senadora Marina Silva (sem partido) em candidata legítima da oposição. A estratégia começou com alguns colunistas que não disfarçam não suportar o PT e o presidente Lula, depois o PSDB gostou da ideia e, por fim, veículos de imprensa concordaram com a estratégia.

É a única explicação que consigo encontrar para a informação de que a senadora teve que desmentir uma manchete do jornal O Globo com supostas críticas dela aos avanços sociais do governo Lula. Em um dia saiu na capa do jornal que Marina teria afirmado que o governo petista é insensível às causas sociais. Isto na primeira página. O desmentido da senadora, feita em discurso no plenário, que coloco em destaque saiu na página 12 do jornal:

“[A política social do governo Lula] é a melhor política social que tivemos … Que precisamos fazer ajustes em relação à porta de saída, mas que só é possível porta de saída hoje porque teve uma porta de entrada, disse Marina. Saí do PT, mas compreendo todos os avanços que tivemos”. Agora pergunto para que inventar críticas que não foram feitas? Aí quando alguém vê motivações políticas, os jornais ficam revoltados. No entanto, foi ou não foi uma mancada indefensável?

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

Posted in Política Nacional.