Skip to content


Protogénes ironiza políticos baianos e diz ser chamado de "delegado do povo"

O delegado da Polícia Federal (PF), Protógenes Queiroz, publicou um texto no seu blog que acaba com as dúvidas daqueles que não sabiam se ele será candidato nas próximas eleições. Em um texto bastante próximo a um trabalho de assessoria, Queiroz ironizou as principais lideranças políticas da Bahia e diz ter sido chamado por um sindicalista de “Protógenes o Delegado do Povo que prende os bandidos do Brasil”.

De uma só vez, Protógenes criticou a participação no desfile do 2 de julho do governador Jaques Wagner (PT), do ministro Geddel Vieira Lima (Integração Nacional) e do prefeito de Salvador João Henrique (PMDB). Disse que as três autoridades citadas não tiveram o mesmo reconhecimento que ele. Segundo o delegado afastado por acusações de desvios a frente da operação Satiagraha, “o povo baiano reagiu com indignação e repulsa aos políticos conhecidos por sua atuação duvidosa nas administrações públicas“.

Sobre o prefeito João Henrique disse que ele “nem completou o percurso, pois foi alvo de uma chuva de ovos de galinhas contra sua comitiva, gerando conflitos e tumultuos provocados por seguranças ao reagirem com violência”. Já ele, teria caminhado “durante todo o percurso de cabeça erguida com sentimento de um Servidor Público que cumpriu com o seu dever perante a população, cujo reconhecimento é testado nas ruas, avenidas e qualquer outro local público”. Para mim, só falta o Protógenes decidir por qual estado vai disputar o próximo pleito.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments

Posted in Política Local, Política Nacional.